As melhores opções de planos de saúde para gestantes com o menor custo e o melhor benefício.


Planos de saúde para quem esta pensando e planejando uma gravidez.
Ela merece toda proteção que um bom planos de saúde pode oferecer.
Planejamento é a palavra chave quando o assunto é gestação. Principalmente em relação ao plano de saúde para gestantes. A mamãe deve passar pelo 9 meses sem preocupações burocráticas e que afetem seu bem-estar, por isso é essencial planejar e evitar transtornos. Confira algumas informações que podem evitar problemas ao contratar um plano de saúde.


Carência plano de saúde para gestantes

Neste caso, a carência é algo a ser levado em consideração e ser analisado juntamente com seus planos de tempo para engravidar. Entenda que a carência significa intervalos de tempo, contados a partir da adesão ao contrato ou assinatura do cliente, nos quais o consumidor não poderá usar o plano para a utilização de determinados procedimentos. Para o parto, a Lei de Plano de Saúde prevê 300 dias, com exceção do parto prematuro, caso que será tratado como um procedimento de urgência.

Todos sabem que uma gravidez requer inúmeros cuidados e que as despesas com o pré-natal e o parto são altas. Portanto o melhor a se fazer é contratar um plano de saúde com uma certa antecedência da previsão do parto.
Considere a exigência de carência de 300 dias do parto,
o ideal é fazer o contrato com seu plano com antecedência de 10 meses, e depois da contratação, esperar 2 meses para engravidar (regra válida para todos os tipos de plano, seja ele individual, familiar, adesão ou empresarial). Com esse planejamento prevendo a carência de 300 dias, você garante também, caso indique durante o pré-natal, a paramentação, acomodação e alimentação do acompanhante.


Parto de emergência plano de saúde para gestantes

Você deve entender que se a criança nascer dentro do prazo de carência, o plano será obrigado a somente cobrir as despesas com o parto se este for de emergência ou urgente. Caso contrário, você terá que arcar com essas despesas. Da mesma forma é em relação àequipe médica e o hospital, não sendo em caso de emergência, o plano de saúde é obrigado a cobrir as despesas somente com credenciados.
Busque informações sobre que hospitais e médicos o plano que você está escolhendo tem na sua lista de credenciados e saiba em quais você pode ser atendida. Há também diferentes tipos de internação, geralmente as mais baratas são para internações em enfermaria e maiores custos para internações em apartamentos.


Tipos de cobertura plano de saúde para gestantes

A futura mamãe deve também saber que cobertura está contratando, cada plano pode ter diferentes ofertas de cobertura:

• cobertura hospitalar: internações e procedimentos em ambiente hospitalar;
• ambulatorial: consultas médicas, exames e demais tratamentos ambulatoriais;
• obstétrica: procedimentos relativos ao pré-natal, da assistência ao parto e puerpério.

Cada empresa pode combinar essas ofertas mas deve em todo caso oferecer um plano chamado referência, que garanta todo os procedimentos importantes para o seu bem-estar e do bebê.

 

Atendimento para seu bebê

A mamãe deve estar ciente também que, em 30 dias contados do dia do nascimento, é necessário solicitar a inclusão do bebê como dependente no seu plano de saúde, sem ser preciso cumprir carências. Após esse prazo de 30 dias, a empresa poderá exigir acarência.
Some todas essas informações e assim esteja preparada para procurar o plano de saúde que ofereça as melhores condições para você. Você está planejando engravidar? Já procurou uma plano que cubra todas as suas necessidades como futura mamãe?


Hospital Indicado para gestantes: Hospital Santa Joana


Operadoras que atendem o Hospital Santa Joana:

  • Amil Saúde
  • Bradesco Saúde
  • Lincx Saúde
  • Maritima Saúde
  • Medial Saúde
  • NotreDame Saúde
  • Omint Saúde
  • One Health Saúde
  • SulAmerica Saúde
  • Unimed P. Saúde